Pão com Linguiça – fim do mundo – relato – Pedal de segunda

Publicado: 18 de dezembro de 2012 por cmarquetti em Duas Rodas

Gostaria apenas de alertar a todos que façam um esforço e compareçam no pão com linguiça, pois será o ULTIMO pedal das suas vidas, o ULTIMO pão e a ULTIMA linguiça de sua curta vida. No dia seguinte o munda acabará e desta forma estaremos felizes por ter feito o que mais gostamos até o final de nossas vidas !!!!!!

E, aproveitando, faço alguns registros do dia de ontem:

Souza, Claudia, Nilson, Delícia, ficaram em terra, só na vontade de zarpar conosco. 48 elementos preparados com suas magrelas para mais um rolê. Muitos, mas muitos calouros mesmo. Polhinho marques junior faz a preleção, dá uma bronca devido as conversas paralelas, Edinho, cara metade, presta muita atenção às orientações de seu líder. Paulo Delícia, dá seus últimos retoques e olhe que eram umas quantas bikes para dar retoques. Se lembram que tinha muitos principiantes, e Bike de principiante já viu. Aliás, eles que são guerreiros, porque é fácil pedalar com uma Bike boa e que roda bem, agora tente ser um principiante com uma magrela de 21 marchas e pesada que é um raio. Edinho dá um berro, Polho dá outro berro e óbvio a Suzana ficou com ciúme e Berrou também…..lá fomos nós. Beiramar, reta das três pontes, quando estávamos passando em frente ao Cassol, aparece o Dinossauro Fábio. Esse mesmo, aquele nadador/ciclista que a tempo não aparecia. Welcomedevolta gurizão. Logo a frente cai a corrente de alguém. Polhinho Gentleman ajuda. Depois da primeira subida do Hotel Maria do Mar um casal resolve voltar. Falando em casais, A Tina estava sem sua cara metade, anotamos F na presença do Meleka e da Lu, o Sérgio estava no pianinho com sua senhora, o Lúcio sentia falta do Taka. E assim continuamos no pedal do Polhenguinho. Polho lá na frente e Edinho lá atrás. Passa pelo Monte Verde, Shopping Floripa, perigosa SC 401, chegamos no Cacupé. Paradinha em frente ao Motel, uma piadinha aqui, outra ali, reposição hidrolítica, alguns calouros esbaforidos perguntando: Já vamos voltar ? ? Áiiii coitchádu. Simbora, galera dispara na frente, Eu e Edinho lá atrás “recolhendo”, “motivando”, “empurrando”. Paradinha lá depois do SESC cacupé em cima do morro. Nosso amigo índio descobre que está sem gracha, sem rolamento, com o pedal pendurado ! Vai assim até o Floripa Soccer. Outra paradinha, Gatorade, cervejinha, e assim descansamos e retornamos. Se lembram do pedal pendurado do índio, pois é, acreditem se quiser, voltou correndo ao lado da Bike !!!! E voltamos com aquele conhecido sorriso no rosto, com uma lua lindíssima no Quarto Crescente, e todas as estrelas nos seguindo em segurança até a Volta ao ponto inicial. O Nenhum pneu furado, os iniciantes cumpriram sua missão, e esperamos todos na próxima. Boa semana a todos

Covinha

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s